Multinivel?

O que é MMN?
Autor: Prof. Adauto Mileto

MMN = Marketing Multi-Nivel, Marketing de Rede, Marketing Direto, Network Marketing.

É uma forma relativamente nova e muito criativa de comercialização de produtos e serviços em alta escala. Para facilitar a explicação, vejamos primeiro como funciona o marketing tradicional:
PRODUTOR $ DISTRIBUIDOR $ ATACADISTA $ VAREJISTA $ CONSUMIDOR


Este sistema, além dos custos de estrutura física, pessoal, transporte, perdas, propaganda e outros, tem grande dificuldade de conquistar e manter a fidelidade do consumidor. Com o MMN foi possível eliminar os intermediários e unir as duas pontas, Produtor ao Consumidor:

A novidade do MMN é que a venda não é feita de maneira tradicional, mas através do processo de
 experimentar > gostar > indicar para outras pessoas , criando um vinculo entre quem indica e quem passa a informação adiante, formando uma grande teia de consumidores > distribuidores independentes. A propaganda é feita na base do boca-a-boca.

Alguns empresários de grande visão e coragem optaram por este caminho e acabaram trilhando o que viria a se tornar a grande tendência na comercialização e distribuição de bens e serviços e assim nasceu o Marketing de Rede (Network Marketing), também conhecido por Marketing Multinível (Multi-level Marketing), por Distribuição interativa e por outros nomes. As empresas que operam com Marketing de Rede fizeram uma opção interessante:
 "ao invés de ter consumidores, vamos ter sócios".


Como funciona o MMN

O MMN funciona basicamente da seguinte maneira: você entra associando-se a uma companhia, passa a adquirir os produtos desta companhia a preço de atacado e divulga a idéia a outras pessoas para que façam o mesmo.

Assim, o trabalho principal do empreendedor de MMN consiste em divulgar a idéia para que outras pessoas façam o mesmo, com isso, construir uma rede de consumidores > distribuidores exatamente como ele mesmo é - um consumidor > distribuidor.


Como se ganha dinheiro no MMN

Ao optar pelo MMN como canal de comercialização de seus produtos e unir o produtor ao consumidor, a companhia suprime uma soma enorme em custos do processo de distribuição. Uma parte desta "economia" a companhia reserva para remunerar os seus consumidores > distribuidores. Esta parcela corresponde a no mínimo 30% do faturamento. (na Monavie é 50%)

Ao construir o seu negócio de MMN, a pessoa desenvolve uma teia de consumidores > distribuidores, os quais farão as mesmas coisas que ela:
 consumindo, divulgando, aprendendo e ensinando. A teia que se forma a partir de cada distribuidor constitui a sua organização e sobre o consumo da sua organização ele ganha comissões pagas pela empresa a qual estão vinculados. Supondo, por exemplo, que você patrocine 04 pessoas, que também patrocinem 04 pessoas e cada uma dessas patrocinem mais 04, a sua rede terá até esse momento 85 pessoas, incluindo você.

Se cada um comprar, para consumo próprio e eventual revenda, R$ 100,00 em produtos, o volume total da sua rede será de R$ 34.100,00. Sobre este volume você vai receber uma porcentagem como comissões.

Com o tempo você poderá montar uma organização muito grande, que movimentará milhões de reais, permitindo-lhe ganhar mais do que muitos grandes empresários dos negócios tradicionais. Isto não é só uma possibilidade teórica: você já conta com milhares de pessoas no Brasil e milhões no mundo que ganharam e ganham bastante dinheiro com este negócio, trabalhando da maneira que expusemos.

O mais interessante, porém, vem agora: depois que a sua organização atinge um certo porte, ela adquire vida própria, pois cada consumidor-distribuidor ativo da sua organização estará fazendo o mesmo que você e tratando de construir as suas próprias organizações e isto não tem fim. A partir de um certo ponto, você pode tirar três meses de férias, viajar pelo mundo e quando voltar, constatar que a sua rede cresceu e sua conta bancária engordou. Isto acontece porque as pessoas não ficarão esperando você voltar para elas trabalharem, pois estão construindo o negócio próprio delas. Isto ainda não é tudo: nas companhias sérias de Marketing de Rede, a organização que você formou e também a conseqüente renda, tornam-se um
 patrimônio vitalício seu. É como um direito autoral sobre uma obra que você criou - você não o perde nunca mais. Isto significa poder aposentar-se de fato, livre de preocupações com dinheiro. E isto pode ser conquistado num prazo de aproximadamente cinco anos!

Além de tudo isso, o
 sistema de treinamento do MMN permite a você crescer como pessoa e ser melhor a cada dia. Pense bem: isto não tem preço. Ser cada dia melhor é o chamado universal de todos os seres humanos e não conhecemos, em longa convivência com todo tipo de empresas e organizações, nenhum sistema de treinamento que se compare a este. Com o conceito de educação continuada, informações renovadas, alto teor de estímulo ao sucesso pessoal com ética e no formato "aprender fazendo", ele ajuda as pessoas a se transformarem na medida que as expõe a um conjunto de condições que fazem com que as pessoas acreditem em si.


Como é assegurado o crédito de cada participante

Como você já viu, o ingresso no MMN acontece quando você se associa, a uma companhia que utiliza este processo de comercialização. Você também já notou que só se pode entrar através de uma pessoa já formalmente associada. Esta pessoa será o seu
 Patrocinador, assim como você será o Patrocinador das pessoas que entrarem por sua indicação.

Ao ingressar você assina um contrato com um número de cadastro e no qual vai constar o número de cadastro do seu Patrocinador. Nos contratos das pessoas que você indicar, constará o seu número de cadastro. Esse vínculo entre patrocinado e patrocinador ficará registrada no sistema de dados da companhia, de modo que toda vez que alguém da sua rede adquirir algum produto ou serviço, você terá automaticamente o crédito correspondente à comissão que a empresa lhe pagará.


Marketing de Rede vs. Emprego vs. Negócios Tradicionais

Veja, no quadro a seguir, porque o Marketing de Rede é a grande tendência em matéria de fonte de renda:


EMPREGO
40 hs/semana x 50 semanas/ano x 40 anos (aposentadoria) = 80.000 horas
MARKETING DE REDE
15 hs/semana x 50 semanas/ano x 5 anos = 3.750 horas (estimativa)

No MMN as possibilidades dependem da forma da pessoa trabalhar. Há muitos casos que ultrapassam 100 mil reais por mês.


Não há limites, nem mínimo e nem máximo

Considere ainda os seguintes
 benefícios do MMN:


  • Você não tem patrão nem empregado; não pode ser demitido nem passar pelo dissabor de ter que demitir. Também não precisa negociar com fornecedores nem "brigar" com clientes devedores.
  • Você não precisa negociar datas de pagamento com fornecedores, bancos, clientes, etc. Toda a estrutura administrativa fica por conta da companhia à qual nos associamos.
  • Não existe o lado de lá e o lado de cá; o chefe e o subordinado; o vendedor e o comprador. Todos estão do mesmo lado. O benefício é igual para todos. É o ganha-ganha. Nem o fato de estar no negócio há mais tempo é vantagem, pois o que manda é o volume e a qualidade do trabalho. Portanto, o valor do negócio é igual para todos. A condição de todos é rigorosamente igual. Se é bom, é bom para todos, para quem já o está fazendo e para quem é convidado a fazer.

Nos últimos 10 anos mais de 5,5 milhões de empregos foram eliminados devido a redução de pessoal nas empresas, segundo relatórios governamentais em todo o mundo. Estima-se que nos próximos 10 anos, 55% de todos os novos empregos criados terão salários baixos. No Brasil a situação econômica vem melhorando nos últimos tempos, estamos com a inflação baixa e controlada, mas isso tem um efeito direto em nosso padrão de vida. O salário fica estacionado, tudo continua aumentando de preço e o risco de desemprego está cada vez maior.

Revistas como a americana Success Magazine, ou a brasileira Veja (edição 20/06/01) vem mostrando em seus artigos que uma mudança de pensamento ou necessidade vem ocorrendo no mercado. Nos Estados Unidos mais de 14 milhões de pessoas trabalham a partir de casa em período integral e outros 13 milhões em período parcial. Este número vem crescendo em quase 600.000 ao ano. Até 2010 aproximadamente 69% das pessoas terão uma atividade econômica a partir de casa! Isso é um fato!

Passe a ser dono do seu futuro.

Esta
 "Era de Crescimento" dos trabalhos a partir de casa se deve muito ao desenvolvimento de novas tecnologias na Internet e nas telecomunicações. Estas novas ferramentas estão disponíveis agora a preços acessíveis para quem busca um ganho extra a partir de casa.